Tankard – Mosh, Suor e Cerveja

Os Alemães do Tankard, voltaram novamente ao Brasil, dessa vez para uma única apresentação em São Paulo, no tradicional Hangar 110, e com casa cheia os caras fizeram um show, pesado, descontraídos e com muita animação por parte do público que não decepcionou e deu uma gigantesca festa na ultima noite de domingo dia 21/02/2016.

Sem banda de abertura, o Tankard ingressou ao palco por volta das 20:00, com muita gritaria e receptividade do público, que gritava o nome da banda e dos integrantes, balançando bandeiras e camisetas, e sem muitas delongas Andreas Gutjahr, já manda o riff de Zombie Attack, pra delírio da galera que já abriu a pancadaria na pista e os stages no palco.

 

Tankard 1

Não havia lugar calmo na pista do Hangar 110, era cabelo, porrada e mosh para todo lado, no som seguinte The Morning After e no seu sucessor, Fooled By Your Guts, já poderíamos ter a prévia de que a noite seria agitada, pois o vocalista Andreas “Gerre” Geremia, estava insano no palco, o cara andava de um lado pro outro brincando, agitando e beijando as mulheres que subiam no palco, nada esperto ele não é ?

O cara é muito animado, sempre comunicativo tem a platéia sempre na palma da mão e põe todo mundo pra agitar, vide em Stay Thirsty!, onde a galera agitou como nunca, indo ainda mais ao delírio quando anunciada uma de minhas canções prediletas da nova geração do Tankard Rapid Fire (A Tyrant’s Elegy), esse som é uma guitarreira insana, combinada com aquele vocal desesperado do Gerre, não podia ter outro resultado ao vivo, o caos na pista.

 

tankard 2

E por falar em pista essa estava com uma energia absurda, o coro comeu lá em baixo, todo mundo sem exceção, pulou, agitou e cantou com toda força dos pulmões, pularam do palco, mas pularam muito, mas infelizmente em Maniac Forces, o excesso de euforia, acabou gerando um acidente, um cidadão pulou com muita violência do palco atingindo outro que foi a nocaute, imediatamente ao perceber, Gerre, para o show manda acender as luzes, pergunta se o cara está bem, manda alguém ir lá ajudar, da água pro cidadão e depois diz, “uma salva de palmas ele sobreviveu”……….mas não muito vivo, uma vez que os seguranças o levaram pra fora, meio que tonto, a banda diz mais algumas palavras e volta a canção, mas só o fim, para dizer que oficialmente haviam tocado ela na íntegra.

Mas isso não esfriou os ânimos e os gritos de “Tankard, Tankard, Tankard”, não cessavam lá de baixo, ainda mais quando Die with a Beer in Your Hand, é anunciada, aí meu amigo, salve-se quem puder, é massacre, e guitarra serra elétrica pra todo lado, um peso e rapidez espetacular que comprova o porque o Tankard é tão respeitado mundo afora, e porque os caras tem toda essa moral por aqui.

 

Tankard 3

E um dos momentos mais aguardados da galera chega quando R.I.B. (Rest in Beer), essa mesmo do clipe do cientista doidão é entoada na casa, a galera pira e pula sem parar, o som foi seguido da nova MetaltoMetal, e nada mais nada menos que o petardo Space Beer, uma grande trinca que moeu literalmente o pessoal na pista, mais ainda tinha mais e os caras ainda massacram mais com a rápida e brutal Rectifier, seguida do som mais esperado da noite por muitos ali presentes, Chemical Invasion, e infelizmente era hora de dar tchau !!….mas não por muito tempo.

Sim, isso mesmo, pois teve bis, sim, teve e um senhor bis com a antigueira Alien, que nocauteou mais uns 3 lá em baixo, seguida de A Girl Called Cerveza, música que tem um dos refrões mais legais que o Tankard já fez, sem falar do clipe que é sensacional, e lá na pista ? Lá voava cerveja pra todo lado, era só festa, mas infelizmente era hora do último som da noite, o hino da embriaguez  “(Empty) Tankard”, pra destruir de vez a galera e fechar a apresentação do melhor modo possível, uma grande show animado, barulhento, pesado e muito mas muito louco, e isso é o que importa, pois todos se divertiram, mas show do Tankard é isso, alegria, mosh, suor e cerveja.

 

 

Confira abaixo a galeria de fotos completa desse grande evento.

 

Tankard - Live Hangar 110 - 21-02-2016

2
Matéria enviada por Lucas Amorim

Similar articles